Chefe de Criminal Minds sobre o dilema “desolador” de Reid

[AVISO: A entrevista a seguir contém spoilers sobre o episódio de Criminal Minds da última quarta-feira. Leia por sua conta e risco.]

Ay dios mio, Reid.

O gênio residente da BAU tem muitos problemas agora, depois que ele foi preso no episódio de Criminal Minds da última quarta-feira, por posse de cocaína e heroína, após uma perseguição de carro em alta velocidade por um deserto mexicano. Acontece que Reid (Matthew Grey Gubler) fazia viagens abaixo da fronteira para pegar drogas experimentais para sua mãe (Jane Lynch) – daí os frascos de duas semanas atrás – de uma médica chamada Rosa Medina (interpretada por Ani Sava).

Muito ruim, mas ainda não é o pior. Rosa foi esfaqueada até a morte no quarto do motel onde ela e Reid se encontraram para a transação. Em uma cruel virada do destino para um cara com memória eidética, Reid foi drogado – provavelmente por Mr. Scratch (Bodhi Elfman) – e não se lembra de todos os detalhes, exceto de uma terceira pessoa estar na sala em algum momento segurando uma faca, então, ele é acusado de assassinato. Com alguma ajuda de Simmons (Daniel Henney) e Clara (Alana de la Garza) de Beyond Borders, a BAU descobre que Rosa é, na verdade, cidadã americana, então, Reid é extraditado de volta aos EUA para acusação. Mas por nunca ter revelado a viagem e não estar no México em negócios do governo, ele não é elegível para um advogado do FBI de primeira linha.

12x13-3

O episódio, co-escrito pela showrunner e produtora-executiva Erica Messer e Kirsten Vangsness (que interpreta Penelope Garcia), inicia o longo arco serializado para os nove episódios de volta da temporada que será música para os ouvidos dos fãs de Reid (exceto pela parte de “suspeito de assassinato”). “Os fãs de Reid definitivamente irão se prender nesses episódios”, diz Messer. “Haverá muito de Reid e uma história realmente grande.”

Veja o que mais Messer tem a dizer sobre a elaboração do arco e o que está à frente.

Quando você teve a ideia deste arco?
Erica Messer:
Há cerca de um ano surgiu o arco. Foi logo na saída de Shemar [Moore]. Matthew, Kirsten e eu estávamos trabalhando juntos nesse episódio e estávamos falando sobre o que a 12ª temporada poderia ser. Comecei a pensar em torno desta ideia e lancei-a para Matthew e ele realmente amou. Então, eu segui em frente com isso, em seguida, todos os outros roteiristas se envolveram e chegamos com os nove episódios da segunda metade da temporada que irá mergulhar mais fundo em Spencer Reid. Continuar lendo

Jane Lynch retorna para uma “intensa” história de Reid

criminal-minds-season-12-jane-lynch-returns

Quando a série Criminal Minds da CBS recomeçar a 12ª temporada na quarta-feira, 1º de fevereiro, um rosto familiar irá finalmente ressurgir – Jane Lynch, interpretando a mãe de Spencer Reid, Diana, como visto nesta primeira foto exclusiva acima.

A primeira das múltiplas aparições de Lynch “meio que restabelece para nós onde Reid (Matthew Grey Gubler) está com sua mãe e a luta dela”, diz a showrunner Erica Messer diz ao TVLine. (Depois de ter sido admitida em um estudo inovador de tratamento de Alzheimer, Diana foi recentemente encontrada vagando em um cassino de Las Vegas, e acabou cortada do programa de estudos, devido a cortes no orçamento.)

Continuar lendo

Spoilers da 12ª Temporada de Criminal Minds: “Elliott’s Pond” e “Mirror Image”

1206mgg

No próximo episódio da 12ª Temporada de Criminal Minds, “Elliot’s Pond”, a Behavioral Analysis Unit (BAU) tentará impedir que uma história se repita.

A equipe será chamada para investigar o desaparecimento de três crianças, enquanto andavam de bicicleta em uma estrada, que vem a ser o cenário de caso semelhante de 30 anos atrás, onde outros indivíduos foram vistos vivos pela última vez. A BAU será desafiada a juntar as pistas de um passado distante.

Isso adiciona pressão para a equipe resolver o mistério deste episódio 6 da 12ª Temporada, enquanto eles estão lidando com alguém que conseguiu se esquivar da lei durante três décadas.

O vídeo promocional do episódio nos provoca informando que o crime pode ser o de um paciente em uma instituição mental que foi destruída em um incêndio, o que abriu uma oportunidade para que os internos “administrassem o hospício”.

Parece que o caso das três crianças desaparecidas pode ser muito mais complicado e de arrepiar do que a equipe poderia ter previsto.

Continuar lendo

Jane Lynch retorna a Criminal Minds

jane-lynch-on-criminal-minds

Oito anos é suficiente. Jane Lynch irá reprisar seu papel como mãe de Reid, Diana, em Criminal Minds, nesta temporada, pela primeira vez desde 2008.

Lynch irá aparecer em dois episódios no início do próximo ano para uma “história pesada para o Reid (Matthew Gray Gubler)”, conta a produtora executiva Erica Messer. Sua primeira aparição será no Episódio 11.

“Estamos realmente animados. É uma história divertida do Reid e ela está realmente animada para voltar e reprisar seu papel”, diz Messer. “Ela tem sido uma mulher ocupada e ainda estamos aqui, por isso, estamos felizes em poder oferecer essa oportunidade para ela voltar.”

Continuar lendo

Kirsten Vangsness fala sobre escrever a resolução do caso de Derek – entregando “enormes quantidades de lágrimas”

A vida não tem sido fácil para Derek Morgan em Criminal Minds. Apenas algumas semanas atrás, ele foi misteriosamente sequestrado. Depois de longa provação, quando sintonizamos alguém tinha o agente da BAU sob sua mira, antes de um tiro ecoar.

A atriz do elenco regular Kirsten Vangsness, que na última temporada teve uma mão em revisitar um caso antigo do ex-membro da equipe Jason Gideon, co-escreveu a resolução deste suspense que vai ao ar nesta quarta-feira, que foi dirigido pela co-estrela Matthew Gray Gubler e irá responder a algumas questões quentes (bem como entregar um drama muito pessoal).

cm1118_beautifuldisaster_grabs_0004

TVLine: Portanto, não há grande coisa – você simplesmente tinha que escrever o episódio que responde quem está atrás de Derek (interpretado por Shemar Moore) e porquê, e, possivelmente, matar um personagem.
Kirsten Vangsness: Possivelmente, sim – não é grande coisa! Foi muito divertido, como um trio para a nossa pequena família, porque o [episódio] 16 foi todo sobre Derek e foi dirigido por Thomas [Gibson], o próximo foi dirigido por Joe [Mantegna], e este teve Matthew [Gray Gubler] dirigindo-o e Erica [Messer], que é nossa showrunner, e eu o co-escrevemos. Eu escrevi os Atos I e IV, ela escreveu os Atos II e III, e depois nós trocamos e fizemos anotações uma para a outra.

B25R37tCUAEoKC8

Kirsten Vangsness e Erica Messer durante as gravações do episódio 10×13 “Nelson’s Sparrow” que também foi co-escrito por elas.

TVL: OK, eu fiquei imaginando como isso funciona.
KV: Nós realmente escrevemos muito bem juntas. Nós vamos gastar muito tempo conversando e trançando o cabelo uma da outra, legitimamente, e depois, de repente, percebemos, “oh, meu Deus, nós temos que escrever algo” e, em seguida, escrevemos. E ela é muito tolerante com minha recusa em usar a verificação ortográfica. Eu sinto que há um par de coisas que tem deixamos cair que nos deixaram tristes, mas a maior parte é bem uma carta de amor para a série.

TVL: Há quanto tempo você descobriu que pegaria esse momento de angústia de Derek/Savannah?
KV: Eu sabia que eu tinha no meu contrato que eu poderia co-escrever um episódio nesta temporada. Erica estava tipo, “você pode fazer o segundo [episódio], ou você poderá fazer o 18 comigo, o que vai ser um grande problema”. No ano passado, eu fiz aquele onde esclarecemos o mistério do [antigo caso de Gideon], e esses são divertidos para mim porque eu adoro ir para histórias de fundo. Eu não sou uma grande fã de pessoas mortas e violência, o que é hilário, mas conseguimos limitar as baixas consideravelmente.

morgan_wedding_hero_01_copy

Derek Morgan e Savannah Hayes em foto conceitual do episódio 11×17 “The Sandman”.

TVL: E, no entanto, este é o forte do Sr. Gubler como diretor, imagens realmente inquietantes, e perturbadoras. Será que este episódio não se prestou a isso?
KV: Sim, ele é, e não, definitivamente tem o jeito Gubler nele. Ele definitivamente tem isso com o nosso bandido, interpretado por Lance Henriksen (Millennium), a quem eu amo tanto. Sabíamos que queríamos e ele foi tão incrível. Em seguida, Matthew estava tipo, “e o glaucoma?”. Todos nós estávamos, “desculpe, o quê?”. Ele disse: “Eu quero um contato para o olho dele parecer realmente extremamente assustador”. Tem sangue coagulado, bem deformado.

CbdaUtrVAAAk_aL

O diretor do episódio 11×18, Matthew Gray Gubler, as escritoras Erica Messer e Kirsten Vangsness e o ator convidado Lance Henriksen.

TVL: Você tocou sobre como isso é semelhante ao episódio anterior que você escreveu, mas como é diferente?
KV: Este é mais universalmente baseado na equipe. Eu sei que [“Nelson’s Saprrow” na 10ª temporada] era meio sobre a família, mas este é realmente sobre a família. Aquele era como um cubo estranho de Rubik porque você está falando sobre alguém que você não pode ver, [anteriormente interpretado por] Mandy [Patinkin]. Este foi diferente, porque tudo estava disponível para nós – e a parte mais difícil sobre foi que tínhamos 17 minutos a mais quando estávamos fazendo o corte, porque havia muita coisa que podíamos fazer.

TVL: Indo para este episódio, os espectadores mais experientes têm informação suficiente para descobrir quem está atrás de Derek e por quê?
KV: Eles tem, mas… no nosso melhor dia, eu gostaria de pensar que é como um episódio de Scooby-Doo. Há sempre aquele pedaço de informação que ninguém sabe até o fim. É preciso um pedaço de uma coisa para construí-lo, definitivamente.

cm1118_beautifuldisaster_grabs_0007

Foto promocional do episódio 11×18 “A Beautiful Disaster”.

TVL: Que tipo de emoção os espectadores podem passar nos minutos finais?
KV: Oh Deus… vou dizer “esperança”, em primeiro lugar. E provavelmente haverá algumas frustrações. Eu sei que você não pode usar a palavra “bolas azuis”, mas se houvesse uma versão para maiores, eu diria isso. Normalmente, o último ato do nosso show tem um par de páginas, esse tem 15 páginas. Isso é muito. Em termos de resoluções, certas coisas encerram-se muito rapidamente em uma parte do show, e depois, de repente, a última parte do show encerra outras coisas. Sei que algumas pessoas que derramaram muitas lágrimas assistindo-o, eu posso dizer isso.
A coisa mais divertida para mim e Erica era ir às falhas dos personagens individualmente e externá-las. Para ter JJ desobedecendo ordens porque ela tinha uma coisa terrível que aconteceu com ela uma vez no show. E Morgan insiste que ele tem que ser o herói em tudo, e Garcia sempre acredita que ela é a única que precisa acalmar Morgan… isso tudo faz o dominó cair de uma certa maneira.

TVL: Você chegou a escrever qualquer momento significativo de Derek/Baby Girl?
KV: Ah, sim. Você vai ter que ver por si mesmo. Essa foi uma das coisas que eu mais me orgulhei, há muito ali. É fácil escrever para as pessoas com quem passei tanto tempo, e eu sei que eles são bons atores e, cara, realmente… todos são tão bons nisso. Todos são tão bons nisso.

Tradução: Patricia Angelica

Edição: Dayana Alves Coelho

Fonte: TV Line

Tudo sobre o retorno de Reid para derrubar o Dirty Dozen

Criminal Minds está de volta quarta-feira – e Reid (Matthew Gray Gubler) também.

“Até minha mãe me mandou mensagem: ‘Onde está Matthew ?!'”, a produtora executiva Erica Messer fala sobre a ausência de Reid em três episódios.”Foi muito engraçado. Há coisas contratuais que acontecem que nós não controlamos como contadores de histórias. Na 11ª temporada de uma série, os atores fazem seus próprios contratos e acordos, e devemos de forma criativa dar sentido à falta de um personagem em alguns episódios… Eu estava tipo, ‘Não se preocupe! Ele estará de volta em breve e vai haver muito dele!'”

107431_d0508b_1

Fãs de Reid ficarão felizes em saber que ele está de volta em uma maneira ótima e crucial depois de cuidar de sua mãe esquizofrênica Diana. No último episódio antes do hiato de inverno, Hotch (Thomas Gibson) disse a Garcia (Kirsten Vangsness) que encontrou uma solução para derrubar o grupo de pistoleiros Dirty Dozen que está atrás dela. Isso se manifesta em um ardil elaborado no episódio desta quarta-feira envolvendo Reid e seu encontro com Cat Adams (atriz convidada Aubrey Plaza), que apimenta as coisas com um interrogatório de gato-e-rato (sem trocadilhos), mantendo-o como refém sob a mira de uma arma em um restaurante.

“A [personagem] de Aubrey é grande parte desse plano”, diz Messer. “Há um monte de reviravoltas nele e parece com Criminal Minds old-school. É um episódio incrível escrito por Breen Frazier, e Matthew é realmente o centro dele, o que é bom porque Dr. Reid esteve fora com sua mãe. Nós queríamos voltar e dar o pontapé inicial do novo ano, reconhecendo nosso arco que se estabeleceu na estreia e encaixá-lo com o retorno de Matthew à BAU. Esse era o objetivo e Aubrey Plaza foi o sonho, e aconteceu. Ela e Matthew são amigos e fizeram um filme juntos [Life After Beth]. Eles são fantásticos. É um thriller psicológico para levar quase à beira-do-seu-assento, e Dr. Reid é forçado a compartilhar algumas coisas que ele nunca havia feito antes.”

Continuar lendo

Aubrey Plaza tem um encontro mortal com Reid

criminal-minds-aubrey-plaza

Matthew Gray Gubler e Aubrey Plaza no episódio 11×11, “Entropy”.

Aubrey Plaza está chegando à Criminal Minds para um jogo de gato e rato.

TVLine revelou com exclusividade que a ex-atriz de ‘Parks and Recreation’ será a estrela-convidada no episódio 11 da 11ª temporada, intitulado ‘Entropy’, que irá ao ar em 13 de janeiro, como Cat Adams.

Na estreia do midseason, Reid (interpretado por Matthew Gray Gubler) recebe mais do que ele esperava, durante um encontro com Cat, quando ela inesperadamente aponta uma arma para ele. O jantar da dupla se torna um jogo de inteligência quando Cat revela que sabe que Reid é um agente do FBI e, em seguida, pede que ele pense em sua situação para salvar a si mesmo e a um restaurante cheio de vítimas inocentes.

Continuar lendo

Matthew Gray Gubler revela que outro membro da BAU está indo embora

reid

Há mais balançadas na equipe da BAU na 11ª temporada de “Criminal Minds”. Matthew Gray Gubler revela que há um outro membro da equipe planejando tirar algum tempo da captura de bandidos – e Gubler será o diretor do episódio de sua saída.

“Eu vou [dirigir]. Há um episódio especial”, diz ele. “Eu quase não queria entregar nada, mas eu poderia muito bem revelar. É a partida de um dos membros regulares da equipe”.

Kate Callahan (Jennifer Love Hewitt) já entrou em licença no final da 10ª temporada, mas Reid (Gubler) também descobriu que JJ (A.J. Cook) está esperando um filho. Será que ela vai deixar a BAU para também se concentrar em sua família?

Com a saída de Jennifer Love Hewitt, Kate Callahan não estará na 11ª Temporada de Criminal Minds.

Com a saída de Jennifer Love Hewitt, Kate Callahan não estará na 11ª Temporada de Criminal Minds.

Gubler não está disposto a dizer, mas com o episódio 4 da 11ª temporada já em produção, ele está animado para que os fãs vejam o que há em suas mangas.

“Reid está de volta, pegando bandidos e ao lado da equipe que ele ama, ajudando a resolver crimes”, ele diz. “Nós temos algumas novas adições ao elenco. Aisha Tyler está no show. Tem sido ótimo até agora. Estamos definitivamente em um bom começo. Nós estamos correndo rápido”.

Continuar lendo

Podcast CMBR Hiatus 1.04 (Gubler Episodes)

03 GUBLER EPISODES

Sim, podcast muito aguardado a gente demora pra publicar, pra aumentar a expectativa! =P

Um debate entre a gublernática Dayana, Debora e eu, sobre os pontos fortes e fracos, as coisas boas e as nem tanto que o minino Matthew Gray Gubler fez nos oito episódios que ele dirigiu desde a 5ª temporada.

Vem ouvir, vem concordar, vem discordar, curtir e compartilhar! \o/

É só baixai por aqui, ó: http://bit.ly/1HPbQDS

P.A.

Como Dr. Reid irá lidar com o luto em “Hero Worship”? (10×14)

Criminal Minds - Hero Worship (Sneak Peek) 080

Sneak peek exclusivo de Criminal Minds: Como Reid está a lidar com a morte de Gideon?
É seguro dizer Reid ainda está fazendo o seu caminho através dos cinco estágios do luto em Criminal Minds.
No episódio desta quarta-feira (21h, CBS), Reid (Matthew Gray Gubler) está firmemente na fase de negação, na sequência da morte de Gideon, quando ele vai para a parte de trás do jato da BAU para jogar xadrez, o passatempo favorito dele e do falecido mentor… sozinho.

“Jogar sozinho é difícil”, ele diz a Rossi (Joe Mantegna) no sneak peek exclusivo.

“Jogar com um fantasma ainda mais”, Rossi responde. “Ele se foi, Spencer. Continuar com o jogo não vai mudar isso”.

Então, como é que Rossi vai ajudá-lo a seguir em frente? Assista ao vídeo para descobrir, acesse o link abaixo.

http://www.tvguide.com/news/exclusive-criminal-minds-sneak-peek-reid-coping-gideons-death-chess/?rss=breakingnews&partnerid=gatehouse&profileid=breaking

Criminal Minds - Hero Worship (Sneak Peek) 006

How will Dr. Reid deal with grief in “Hero Worship”? (10×14)

It’s safe to say Reid is still making his way through the five stages of grief on Criminal Minds.
On Wednesday’s episode (9/8c, CBS), Reid (Matthew Gray Gubler) is firmly in the denial stage in the wake of Gideon’s death, as he retreats to back of the BAU jet to play his and his late mentor’s favorite pastime chess… by himself.

“Playing yourself is difficult,” he tells Rossi (Joe Mantegna) in the exclusive sneak peek above.

“Playing a ghost even more so,” Rossi replies. “He’s gone, Spencer. Keeping the game going won’t change that.”

So how does Rossi help him move on? Check out the clip on link above to find out.

Tradução/Translated by: Patricia Angelica.

Edited by: Dayana Alves Coelho.

Fonte/Source: TVGuide.