O lado de Thomas Gibson na história do chute que o demitiu de Criminal Minds

Thomas Gibson finalmente fala sobre a briga que o levou a ser demitido de Criminal Minds.

“Sinto que levou anos para construir uma boa reputação e um minuto para destruí-la”, diz o veterano da TV, de 54 anos, na edição mais recente da revista PEOPLE.

Gibson diz que ele estava filmando o segundo episódio da próxima temporada do hit da CBS, em 26 de julho, quando as tensões se inflamaram entre ele e o roteirista-produtor Virgil Williams.

“Nós estávamos filmando uma cena, tarde da noite, quando fui a Virgil e disse que havia uma fala que eu pensei que contradizia uma fala anterior”, diz Gibson. “Ele disse: ‘Desculpe, é necessário, e absolutamente preciso dela”.

Frustrado, Gibson diz que retornou para o set e estava compartilhando a resposta de Williams com alguns de seus colegas de elenco quando Williams entrou na sala.

13606799_1217165424994870_4176244103477746230_n

“Ele entrou na sala e começou a vir em minha direção. Quando ele passou por mim, meu pé se aproximou e bateu na perna dele”, relembra Gibson. “Se eu não tivesse me movido, ele teria vindo para cima de mim. Tivemos algumas palavras mal escolhidas, sobre as quais me desculpei no dia seguinte, e foi isso. Tudo terminou. Nós gravamos a cena, eu fui para casa – e nunca mais voltei”.

Depois de uma suspensão inicial de duas semanas, Gibson foi informado pela produção que havia sido “demitido” do show.

Gibson vai aparecer nos dois primeiros episódios da 12ª temporada, mas “detalhes criativos sobre como a saída de seu personagem será abordada no show serão anunciados posteriormente”, diz um comunicado da ABC Studios e CBS Television Studios.

“Parece que eles estão tentando me apagar do show. Isso dói. Mas estou usando esse tempo para ficar com meus filhos, e estou ansioso para o que vem por aí”, diz o pai de três filhos. “Talvez eu faça uma comédia, ou uma peça, dirija ou produza”. “Meu orgulho e reputação estão feridos, mas no final eu sei que o bom trabalho é o que as pessoas vão lembrar.”

Thomas Gibson “pode” ter feito as coisas de maneira diferente, mas nega culpa pelo drama no set de Criminal Minds e por dirigir sob efeito de álcool. Ele também está se abrindo sobre a “desinformação” que foi espalhada sobre outros incidentes de seu passado.

12558892_1193467744016051_301032752_n

Thomas Gibson e Shemar Moore nos bastidores da 11ª Temporada

Um rumor do qual Gibson assume especial ressentimento é que ele estaria em desacordo com o seu ex-coestrela Shemar Moore.

“Shemar e eu tínhamos desacordos no início. As pessoas trabalham de forma diferente e têm prioridades diferentes, mas somos como irmãos e trabalhamos e superamos isso”, diz Gibson, de 54 anos. “Eu estava tão feliz em dirigir o arco de três episódios que foi escrito para sua despedida com abraços e beijos [no final da temporada passada]. “

O ator também quer deixar claro que ele não tem qualquer problema com abuso de substâncias, apesar de ter sido preso sob suspeita de dirigir embriagado, em 2013.

Na noite de sua prisão, “a maratona da noite estava acontecendo no centro, e um policial me impediu de entrar na minha garagem”, diz Gibson. “Eu dei a volta no quarteirão e um outro policial me deu permissão. Quando cheguei ao portão da minha garagem, o primeiro policial me disse para sair e colocar minhas mãos sobre o carro.”

108633_0033b

Ele afirma que as coisas se agravaram rapidamente. “De repente, cinco policiais de bicicleta estavam vindo ao meu encontro. Um deles disse: “Eu sinto cheiro de álcool.” “Eu tomei um drink com um amigo, mas foi apenas isso. Eu passei no teste de sobriedade deles, mas eu recusei [a soprar o bafômetro] e fui preso. Meu advogado me disse que eu provavelmente poderia ganhar se eu entrasse com processo, mas eu não quis colocar meus filhos sob julgamento. “

Agora, até seu próximo trabalho, Gibson está desfrutando de seu tempo com seus três filhos, mas também está ansioso para voltar ao trabalho.

“Se eu tivesse a chance de fazer algumas coisas de forma diferente, eu faria. Mas há um contexto para cada um destes incidentes e eu acho que eles não se somam ao que acabou acontecendo”, Gibson diz sobre ser demitido. “Eu só preciso de mais oportunidades para fazer um bom trabalho e ser um bom homem.”

51stmontecarlotvfestivalportraitsessionsobrewjbm6hlx

Thomas Gibson’s side of the story on the kick that got him fired from Criminal Minds

Thomas Gibson is finally speaking out about the physical altercation that got him fired off Criminal Minds.

“I feel like it took years to make a good reputation and a minute to damage it,” the TV veteran, 54, says in the current issue of PEOPLE.

Gibson says he was filming the second episode of the upcoming twelfth season of his hit CBS drama on July 26 when tensions flared between him and writer-producer Virgil Williams.

“We were shooting a scene late one night when I went to Virgil and told him there was a line that I thought contradicted an earlier line,” says Gibson. “He said, ‘Sorry, it’s necessary, and I absolutely have to have it.’ “

Frustrated, Gibson says he returned back to set and was sharing Williams’ response with some of his castmates when Williams entered the room.

“He came into that room and started coming towards me. As he brushed past me, my foot came up and tapped him on the leg,” Gibson recalls. “If I hadn’t moved, he would have run into me. We had some choice words, for which I apologized the next day, and that was it. It was over. We shot the scene, I went home – and I never got to go back.”

MV5BMjI3MjA4ODAwM15BMl5BanBnXkFtZTgwOTU3Mjk4NjE@._V1_

After an initial two-week suspension, Gibson was informed by production that he was “dismissed” from the show.

Gibson will appear in the first two episodes of season 12 but “creative details for how the character’s exit will be addressed in the show will be announced at a later date,” reads a statement from ABC Studios and CBS Television Studios.

“It seems like they’re trying to erase me from the show. That hurts. But I’m using this time to be with my kids, and I look forward to what’s next,” says the father of three. “Maybe I’ll do a comedy, or a play, or direct, or produce.” “My pride and reputation are hurt, but in the end I know the good work is what people will remember.”

Thomas Gibson ‘Might’ have done things differently but denies fault for Criminal Minds set drama and DUI. He is also opening up about the “misinformation” that has been spread about other incidents in his past.

One rumor Gibson takes particular umbrage with is that he is at odds with his former costar Shemar Moore.

“Shemar and I did have disagreements early on. People work differently and have different priorities, but we are like brothers and worked through it,” says Gibson, 54. “I was so happy to direct the three-episode arc that was written to send him off, with hugs and kisses [at the end of last season].”

czcvxonuwaakmte

Thomas Gibson and the Criminal Minds cast – behind the scenes of episode 11×16 “Derek”, directed by Gibson

The actor also wants to make it clear that he does not have a substance abuse problem, despite being arrested under suspicion of DUI in 2013.

The evening of his arrest, “the night marathon was going on downtown, and a cop blocked me from entering my parking garage,” says Gibson. “I drove around the block, and another cop gave me permission. When I got to my garage gate, the first cop told me to get out and put my hands on the car.”

The actor says things escalated quickly. “Suddenly five bike cops were running at me. One of them says, ‘I smell alcohol.’ I’d had one drink with a friend, but that was it. I passed their field sobriety test, but I refused [to blow into a Breathalyzer] and was arrested. My lawyer told me I could probably win if I fought the charge, but I didn’t want to put my kids through a trial.”

Now in between jobs, Gibson is enjoying time with his three kids but is also eager to get back to work.

“If I had the chance to do some things differently, I might. But there is a context to each of these incidents and I think that they don’t add up to what ended up happening,” Gibson says of being fired. “I just need more opportunities to do good work and be a good guy.”

Tradução/Translated by: Patrícia Angélica

Edição/Edited by: Dayana Alves Coelho

Fonte/Source: People1, People2

Anúncios

Uma resposta em “O lado de Thomas Gibson na história do chute que o demitiu de Criminal Minds

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s